Verticalização

O fenômeno da verticalização está chegando devagarzinho ao Vale do Rio Tijucas, que há 30 anos possuía umas poucas edificações de três pavimentos, nada mais. Hoje, observando-se a cidade de Tijucas verifica-se que já não são poucos os prédios com mais pavimentos. Até recentemente o limite era cinco andares mais o térreo, ampliou-se pra nove, depois para 12 e já existe projeto para a construção de um edifício de 18 pavimentos. Tudo depende da Câmara Municipal de Vereadores aprovar, porém não deve haver impedimento para uma tendência de mercado. Hoje morar em apartamento não é mais status, é uma questão de segurança.

A Construtora Arcko, do nosso amigo Romeu José dos Santos, está trabalhando nas obras do Grand Cânion, que terá 11 andares. Uma outra edificação de 11 andares será erguida no cruzamento da rua 13 de Maio com a 13 de Novembro, ali onde moravam os pais do Beto Carteiro. Fala-se em 148 apartamentos.

A insegurança faz as pessoas procurarem morar nas alturas, pois os agentes do crime preferem visitar residências térreas, no entanto é preciso distinguir o que é um prédio de elevado padrão de acabamento e o que é “apertamento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>