Furdunço

Deu o maior bafafá a notinha que publiquei aqui, a respeito de três golpes ocorridos em diferentes empresas de uma cidade da região. Não citei nomes, nem mesmo da cidade onde tudo aconteceu, mas desde então recebi vários telefonemas de gente querendo saber quem eram os protagonistas de cada calote.

A todos dei a mesma resposta: “não posso revelar a minha fonte e não vou divulgar nomes. Isso a gente só faz quando cada caso passa pelas mãos da polícia”.

Pelo visto teve gente que preferiu ficar com o prejuízo, sem levar o caso para a polícia. Daí não tem o que se fazer. Fica o dito pelo não dito. E é por isso que não mencionei nomes. E acho que em pelo menos um dos episódios o “mão leve” permanecerá impune.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>