Trio de ouro

Página 2 - caderno-1

Tenho lidos alguns livros sobre Tijucas e sua gente, alguns muito bem escritos e que guardo com muito carinho. Os assuntos são diversos e de muito interesse, principalmente para quem nasceu e se criou nesta aprazível e querida cidade. Ler sobre pessoas que conhecemos, sobre escolas e indústrias do Município, sempre é muito interessante e salutar, e nos trás o desejo de voltar à terra natal, para matar as saudades que temos das pessoas e dos locais queridos. Porém não sei se estou certo, não li em nenhuma obra qualquer menção sobre a antiga Rádio Difusora de Tijucas. Lembro que ficava ao lado da praça Nereu Ramos, no centro, mas não sei exatamente em qual casa, pois eu era um garoto, com pouca idade. Mas de algumas coisas lembro perfeitamente. Pois é, a rádio era comandada pelo senhor Aldo Silva, apresentador e que depois se transferiu para Florianópolis, onde atuou e obteve grande sucesso na Rádio Guarujá. Além de locutor, foi rádio ator de muito sucesso.

Nos finais de semana, a Rádio Difusora Tijuquense apresentava um programa de muito sucesso na época de músicas ao vivo e com orquestra própria. Os dois que tocavam violão eu ainda lembro: eram o Canhoto, bastante conhecido, e um senhor que morava na praça chamado Azevedo. Tinha um no acordeom, mas não lembro o nome. Mas os astros, sem dúvida eram um trio, que cantava músicas nacionalmente conhecidas e gravadas pelos maiores sucessos da época. O nome não sei qual era, mas esse trio fazia grande sucesso e cantava músicas feitas por um de seus integrantes. Esse compositor era um dos cantores, e foi meu amigo. O professor na época, Manoel dos Anjos. O segundo integrante era o Érico Baixo, casado com minha tia Lalinha. Mas a voz feminina quase todos conheceram em Tijucas, a professora Leda Regina de Souza. Muito conhecida e que também foi apresentadora de rádio na cidade. Este trio cantava maravilhosamente bem, sucesso maior dos finais de semana. Ia assistir com meu pai e minha mãe, eram programas de rádio que até hoje recordo. Como não sei se tinha nome, devia ter, eu chamo esse conjunto de vozes de Trio de Ouro de Tijucas. Todos já falecidos, mas fica aqui minha gratidão pelos alegres momentos que deram a todos da cidade. É o meu trio de Ouro do coração.

Existe sim

É uma pena que esse tijuquense não leia o Jornal Razão com assiduidade, pois em nossas páginas muito já foi dito sobre a Rádio Difusora de Tijucas. Para bem informá-lo registro que a Rádio Difusora ficava na Beira Rio, onde estão as pontes – da BR 101. Nos livros Fatos e Fotos da História Tijuquense escrito por mim e em parceria com Ademar Campos, “Muitas histórias de Tijucas”, organizado por Luís Gomes e Marcos Bayer, e Origens – A história da imprensa nos munícipios catarinenses, fruto de um concurso promovido pelo Governo do Estado e que teve o Jornal Razão como vencedor, o leitor encontrará relatos da antiga Rádio Difusora, aberta em 1949 e fechada 10 anos depois.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>