Verão será com pouca água potável

DCIM155MEDIADJI_0106.JPG

Conversamos agora pouco com o diretor do SAMAE, Jilson José de Oliveira, o popular Jil da ACIT, hoje presidente da autarquia objetivando ter uma explicação aos moradores dos bairros XV de Novembro, Universitário e nos jardins Mata Atlântica e Progresso. Serei objetivo:

a) O SAMAE admite que essa parcela da população enfrentará um sério problema de desabastecimento de água neste Verão.

b) As obras que se fazem necessárias serão custeadas pelo SAMAE, porém a licitação só poderá ser feita em janeiro. Como se trata de uma obra grande, o processo pode se arrastar por mais de um mês. Neste processo licitatório estão incluídas tubulações e a construção, no alto dos primeiros morros da Terra Nova, um reservatório com capacidade para suprir as necessidades da população de Tijucas por mais 20 anos.dsc07184

c) O prefeito Elói Mariano Rocha bateu na mesa e disse que quer uma solução mais rápida e muitas pessoas se perguntam porque não jogar mais água nos reservatórios da ETA do Porto da Itinga, o que aumentaria a vasão de água na rede, no entanto o presidente do SAMAE argumentou que a Estação de Tratamento de Água Carlos Humberto Ternes não suporta um volume maior para ser tratado.

Isso não foi o Jil que falou, sou eu quem está dizendo: os moradores das áreas atingidas pelas escassez do precioso líquido podem comprar um motor ou bomba sapo, instalar uma caixa reservatório, outra para cisterna e já cogitar a vinda de caminhões pipa para atender sua moradia e de vizinhos amigos.

Quer falar com SAMAE? 3263 4065.

Faça parte do Grupo do Jornal Razão no Whatsapp clicando no link ==> https://chat.whatsapp.com/Gao2B2x7cme3ywsN404OPw

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>