Contraponto

0z6a2229

O Jornal Razão recebeu a visita do vereador Vilson Natalio Silvino, o popular Vilsinho da Pisobelo, que se manifestou descontente com a matéria publicada sobre o pedido de votação da “quebra de decoro parlamentar” dos quatro vereadores reeleitos em 2016.Segundo o parlamentar, ele desconhece totalmente o suposto processo de representação que teria sido entregue ao presidente Elói Pedro Geraldo e jamais tratou do assunto com quem quer que seja.

O vereador do PP negou veementemente que teria decidido votar contra a proposta de afastamento dos quatro envolvidos na citada questão.

“Como é que posso decidir se voto contra ou a favor de uma questão que ainda não chegou ao meu conhecimento?”, disse Vilsinho.

Audiência da Iceberg

A matéria sobre o tema Operação Iceberg teve uma repercussão fulminante nas redes sociais, com varias manifestações dos envolvidos. Uma delas foi do advogado Márcio Rosa, que declarou desconhecer o agendamento de audiências no fórum da comarca de Porto Belo. Rosa disse mais: na opinião dele, pode ser que nem haja audiência neste ano, uma vez que agora é que a justiça está iniciando a fase de ouvir as testemunhas de defesa dos acusados, que por sinal ainda não foram nem arroladas.

Marcio Rosa é advogado da grande maioria dos vereadores e servidores acusados de receberem diárias para cursos que não existiram e fala em nome dos seus clientes.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>