Energia Elétrica

img226

Acessando este link (http://bit.ly/2ohuv8S) você encontrará um documento muito importante: o projeto de uma Usina Termoelétrica, apresentado a Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (Fatma) no ano de 2011. Essa era a primeira etapa para que fosse solicitada a Licença Ambiental Prévia (LAP) da futura “Usina Termoelétrica Tijucas”, a ser implantada a 900 metros de distância da subestação da Celesc em Nova Descoberta.

Inicialmente quero dizer que não tenho opinião formada sobre este assunto. É preciso saber mais, ouvir as pessoas entendidas e envolvidas no projeto, por isso estamos colocando à disposição da comunidade o conteúdo do projeto inicial para que seja avaliado. Sei apenas que essa usina produziria energia elétrica a partir de gás natural fornecido pela SCGÁS através do Gasoduto Bolívia – Brasil, que atravessa Tijucas pelo Campo Novo, Terra Nova, Nova Descoberta, Itinga e Timbé. Só não entendi por que essa usina teria que ser construída junto à pretendida Usina de Reciclagem de Lixo da Nova Descoberta.

Assim sendo, convoco as pessoas de bem a lerem e avaliarem o projeto da UTE Tijucas, para que juntos possamos formar um conceito a respeito desse empreendimento que pode ou não ser benéfico para o município.

 

 

Novidade

Você e seus amigos estão convidados para a inauguração da revitalização do Posto Dinho, que desde fevereiro último integra a rede de postos Ipiranga. O evento acontece a partir das 19h30 desta quinta-feira, dia 30 de março.

Com 43 anos de atividades e uma vasta clientela, o Posto Dinho traz ótimas novidades com a bandeira Ipiranga. Destaque para a loja AM PM – com padaria (pães, cucas e tortas fresquinhas) das 6h às 24h e o programa de fidelidade KM de vantagem, através do qual você acumula milhas para usar em viagens e pontos que resultam em descontos na loja AM PM ou nos conveniados, tais como cinemas, teatros, lojas de shoppings, compra de pneus e tantos outros. Prestigie o evento desta quinta-feira, com chopp gelado e a boa música de Richard Limeira, e conheça todas as novidades e vantagens do novo Posto Dinho – agora com a qualidade Ipiranga.

Tijucano assumirá Secretaria de Estado

~´

Foi confirmada na tarde desta segunda-feira (27) a noticia de que o tijuquense Edemir Alexandre Camargo Neto, filho de Silvia Ferreira Camargo e Edemir Alexandre Camargo Filho, o Edemizinho, assumiu interinamente o cargo de secretario de estado da Justiça e Cidadania. Não foi divulgado até quando ele permanecerá no cargo, mas os seu currículo fortalece a possibilidade de que seja uma interinidade de longo prazo.

Nascido e criado em Tijucas, Edemir Neto se formou em direito pela Univali, fez estágio no Fórum da Comarca local, dirigiu o presídio de Tijucas e o de Itajaí e ocupou outros importantes cargos na Secretaria de Estado da Justiça, entre eles o de diretor do Departamento de Administração Prisional (Deap).

Robôs sexuais devem surgir até 2025 e podem substituir os seres humanos

Parece cenário de ficção científica, mas a construção de robôs sexuais faz parte do futuro relatado por Ian Pearson, um futurologista – sim, esse cargo existe – em um estudo publicado em parceria com a Bondara, uma dos maiores sexshops do Reino Unido.

Apesar de nenhuma comprovação técnica sobre a construção dos Robôs, Ian Pearson parece bem alarmista em relatar que o sexo com robôs desenvolvidos exclusivamente para essa finalidade vai ser uma prática comum até 2025 – em um cenário bastante parecido com o filme Ex-Machina: Instinto Artificial.

Como base para o seu argumento, Dr. Pearson utilizou o fato de que vibradores e outros brinquedos eróticos já são utilizados em demasia no Reino Unido, e que o pornô virtual está presentes a se tornar mainstream, ou seja, extremamente popular e comum de ser encontrado nos computadores de praticamente todos os cidadãos.

Ignorando toda a problemática envolvendo essa generalização da pornografia, Ian prevê que, provavelmente em 2035, os brinquedos que interagem com a realidade virtual se espalharão pelo Reino Unido e que, provavelmente em 2025, as classes sociais mais altas já devem ter acesso aos robôs sexuais com aparência humana.

Em 2050, a probabilidade – relatada por Ian com base apenas em suas suposições e em alguns dados sobre avanços tecnológicos – é de que os seres humanos sejam completamente substituídos pelos robôs.

A adaptação, entretanto, vai ser complicada: “Inicialmente, as pessoas vão achar que é difícil se adaptar a essa nova atividade sexual, mas acabarão se acostumando com isso, assim como eles se acostumaram com a pornografia”, diz Ian Pearson.

As pessoas, entretanto, estão constantemente procurando por novas formas de apimentar suas vidas sexuais. Isso é um fato, o mercado dos brinquedos sexuais cresce cerca de 6% todos os anos: “Essa taxa de crescimento não pode continuar para sempre ou logo se tornaria todo o nosso gasto, mas o crescimento econômico subjacente poderia ficar em torno de 2% para as próximas décadas, pelo menos, triplicando a renda e sobrevivência básica terá uma parcela menor de que, devido à automação e outros custos de tecnologia de redução”, Pearson afirma.

A previsão segue: “Muitas pessoas ainda têm ressalvas sobre sexo com robôs mas, gradualmente, conforme eles se acostumarem com os robôs e com o comportamento de inteligência artificial e mecânica, além da melhora de sensação, homens e robôs podem começar a se tornar amigos com laços emocionais fortes.

E a tendência é que algumas pessoas abracem o robô sexual, livre de relacionamento, assim que eles possam pagar um, já em 2025. E ele não terá muita chance de ultrapassar o sexo com os seres humanos, em geral, até 2050″, explicou Pearson. Essa afirmação de Pearson é apoiada por Matt McMullen, um especialista na criação de robôs sexuais que dedicou sua vida para desenvolver algo que possa excitar nós, humanos, tanto fisicamente quanto emocionalmente.

Porém, McMullen contraria Ian ao escolher o termo “vale misterioso” para definir essa polêmica. Ele acredita que um robô sexual muito próximo da figura humana pode assustar e constranger quem o compra e, por isso, talvez seja melhor manter os bonecos sexuais com características menos realistas.

Se nós aprendemos alguma coisa com o filme Her, lançado em 2013, com o próprio Ex-Machina ou com os livros e contos do Philip K. Dick, é que a inteligência artificial é um território extremamente delicado. Ela é capaz de se desenvolver de forma assustadora e sem qualquer interação humana, mesmo quando seus desenvolvedores criam programações extremamente bem pensadas para evitar qualquer dano nos projetos.

Alarmismo? Bem, nós já tivemos muitos ensaios na ficção para não ficarmos assustados com esse cenário.

Unanimidade

Conversando com o presidente da Câmara Municipal, vereador Elói Pedro Geraldo, ouvi dele o desejo da realização de duas importantes campanhas para minimizar o problema dos moradores de rua, que invadem propriedades alheias, furtam e até ameaçam com violência as pessoas que interpelam e não lhes dão dinheiro. O vereador contou que presenciou um usuário de crack chutar a porta de um carro de São José cujo motorista não atendeu o pedido de dinheiro.

A primeira iniciativa seria entrar em contato com as prefeituras das cidades mais próximas, comunicando que todos esses indivíduos largados em nossa cidade seriam devolvidos para quem os trouxer para cá. Nesta semana a Polícia Rodoviária Federal chegou a participar de uma operação para abrir um espaço em baixo da antiga ponte da BR 101 sobre o rio Tijucas, onde vários andarilhos, mendigos e usuários de crack recém chegados a Tijucas estavam morando.

A outra medida seria efetivamente uma campanha de conscientização, no sentido de pedir que a população regional não dê dinheiro aos pedintes. Esses moradores de rua, malabaristas e pessoas de má índole que transformaram os semáforos quase num pedágio precisam ser removidos destes pontos. Isso também inclui os vendedores ambulantes que se posicionam na região da Santa Rita sem a devida licença municipal.

Na maioria dos casos os moradores de rua tem dinheiro para tomar cachaça e comprar droga. Chegam a faturar até meio salário se ficarem um dia inteiro ali, mas existe um acordo entre eles que cada um fica um determinado tempo. Assim todos ganham dinheiro.

Secretário de Saúde de Tijucas está revoltado com falsa notícia

Screenshot_5

Secretário de Saúde Vilson José Porciúncula, o Tem, está indignado com a divulgação da falsa notícia de que a cidade está sem atendimento no fone 192, do Samu. Segundo ele, Tijucas está sem ambulância, mas quem precisar é só ligar e aguardar o deslocamento de uma das ambulâncias das cidades vizinhas.

Tem relatou que é inviável reformar a ambulância que atendia Tijucas, um veículo 2012, que já veio para o município com problemas mecânicos e elétricos. Ele já conversou com o secretário adjunto de saúde, que está providenciando uma nova viatura para atender a população. A única exigência do Samu é a realização de um curso de capacitação com os profissionais que trabalham nessa ambulância. Esse treinamento é anual e não foi feito em 2016. O secretário já está viabilizando o cumprimento dessa determinação.

Quanto ao telefone 192 eu mesmo liguei para lá, disse que precisava de atendimento para uma residência do interior e eles me informaram que seria designada uma ambulância do Samu de Porto Belo, Biguaçu ou Nova Trento. Daí revelei que estava apenas averiguando uma informação equivocadamente divulgada por um outro órgão de imprensa e eles me garantiram que o Samu está pronto para atender todas as cidades da região.

Grande sacada

DCIM155MEDIADJI_0106.JPG

Na semana que se passou conversei com um vereador sobre o futuro das praças Sebastião Caboto e Henrique José Ternes, o nosso cais. Chegamos a um consenso sobre o que poderia modernizar aquela região, já que o projeto da prefeitura é construir o Mercado Público Municipal no lado onde existia o Pagode da Paz.

A primeira providência seria implantar um estacionamento diagonal (45 graus) em toda a extensão da praça Henrique José Ternes, desde a antiga sede do Sine até o sobrado do saudoso Paulo Ternes. Teria que usar um pedaço do gramado, mas o custo da obra seria baixo, usando-se os paralelepípedos já existentes.

Para ornamentar o restante da praça poderiam ser construídos outros dinossauros de concreto, semelhantes ao Dino. O mestre Sebastião, oleiro que tem seu ateliê na região final da rua das Carreiras, no bairro Universitário, conhece o cidadão que sabe fazer as formas para a construção dos novos dinossauros. O preço de cada exemplar ficaria em torno de R$ 2 mil.

A prefeitura deveria dar uma nova destinação a concha acústica, pois aquilo infelizmente foi uma ideia que não vingou. Naquele lado da praça Sebastião Caboto ficaria de bom tamanho um parque infantil.

Para fechar com chave de ouro sobraria a construção de um atracadouro ao longo da rampa do cais para os pescadores venderem diariamente peixes e frutos do mar fresquinhos. Ali também deveria ficar uma embarcação para passeios turísticos ao longo do rio Tijucas, desde a ponte da Itinga até a boca da barra.

9 anos do falecimento de Bebeto Ternes

No dia 12 de fevereiro de 2008, ou seja, há nove anos, faleceu um tijucano que aprendeu a fazer política com o coração. Tijucas perdia Carlos Humberto Ternes, o Bebeto, na época com 46 anos de idade.

Nesta ultima terça-feira, dia 14 de março, se estivesse vivo Bebeto completaria 55 anos de vida. Seu nome está imortalizado na Estação de Tratamento de Água do SAMAE de Tijucas (ETA) e na Avenida Carlos Humberto Ternes, a conhecida P2, que se estende do cruzamento com a Rua Geraldo Rebelo, no XV de Novembro, até a antiga Cerâmica Ternes, de propriedade da sua família, no bairro Joaia.

Leram para mim a mensagem que seu filho Raí deixou na internet e fiquei pensativo. Se ainda estivesse entre nós talvez algumas coisas teriam sido diferente, principalmente na política.

É desnecessário falar sobre tudo que Bebeto fez e representou para a comunidade tijuquense, basta apenas frisar que deixou bons rastros e muitas saudades. Todos os seus amigos lembram dele com alegria, pois era assim que Bebeto gostava de viver. Quem não lembra da sua vitória na eleição de 1996, quando venceu Uilson Sgrott por apenas 106 votos de diferença? Bebeto comemorou a vitória com uma longa caminhada pelas principais ruas da cidade. Fez a galera andar a noite inteira. E do desfile de 7 de Setembro com umas 50 carroças? Depois ele levou todos os carroceiros para almoçarem no restaurante La Roda.

Rogério dos Anjos, o Guelo, combinou comigo de escrevermos um livro sobre as façanhas deste filho ilustre da terra querida. Espero que tenhamos tempo para isso. Uma das histórias que não deixarei faltar é a do Carnaval de 1998, quando ele era prefeito. Organizamos bloco da Loja do Gorila para desfilar na avenida Brasil, em Balneário Camboriú. Caia Berlinck organizou uma bandinha para cantar o nosso samba-enredo. Bebeto arrumou dois ônibus para nos levar. Na última hora sobravam músicos e faltavam instrumentos. Liguei para o Bebeto e pedi se ele poderia me arranjar tres surdos. Ele pediu uns 20 minutos para arranjá-los. Ficamos esperando.

No prazo combinado chegou o motorista da prefeitura Valdir Rocha, o Bigode, com três senhores dentro do carro. Os três tinham problema de audição. Liguei de volta e reclamei da sacanagem. Bebeto então respondeu:

“Não querias três surdos? Aí estão… Podias reclamar se eu tivesse mandado três mudos!…”

Minutos depois chegaram os três tambores que solicitei e partimos para Balneário Camboriú, onde rolaram momentos que contarei numa próxima oportunidade.

Desejo apenas que exista um outro mundo ou dimensão após a morte e que quando partirmos daqui possamos reencontrar pessoas tão queridas como Bebeto Ternes.