Escândalo

Esposa de um político da região descobriu que o maridão está bancando algumas beldades da cidade. Para pelo menos três delas o Dom Juan paga a prestação de motocas e foram justamente esses carnês que caíram na mão da esposa, que, enfurecida, está tirando à limpo todo o caso. O final da história deve ser triste, isso se a patroa não se descuidar e deixar vazar os nomes das piriguetes.

A mexida

A curiosidade sobre as supostas mudanças que acontecerão na prefeitura de Tijucas, com a substituição de secretários, assessores e até chefes, está deixando muita gente arrepiada. E não pense que são os ocupantes destes cargos. Quem mais está interessado são as lideranças de oposição. O prefeito Valério não adianta nomes e diz que tudo que foi divulgado até agora é mera especulação, porém não nega que dará uma mexida boa. Quando?

Temperatura máxima

Ninguém sabe o motivo, mas o prefeito de Canelinha, Antônio da Silva, chutou o balde na semana que se passou. Ele havia decretado horário especial de verão para os órgãos públicos da administração direta, porém voltou atrás e através de um novo decreto estabeleceu horário normal de atendimento. Assim sendo, a prefeitura de Canelinha continuará atendendo o público das 8h às 12h e das 14h às 17h.

No Senado

São muitas as conjecturas à respeito da ida do vereador Rogerinho (PMDB) para Brasília, onde ocuparia o cargo na assessoria do senador Dário Berger (PMDB), o que implicaria no seu licenciamento da Câmara Municipal de Tijucas. O vereador confirma que deve ocupar um cargo na Assessoria de Dário, mas não em Brasília. Como muita gente sabe, todo senador tem a prerrogativa de manter um escritório no seu estado e nomear pessoas para mantê-lo em funcionamento. E é um desses cargos de assessor que o vereador Rogerinho deve ocupar, sem ter a necessidade de se afastar da Câmara Muncipal.

Vereança

Dezembro ou os primeiros dias de Janeiro marcam a mudança dos presidentes das Câmaras de Vereadores de todo o Brasil, independente se o mandato do chefe do Poder Legislativo for de um ou dois anos. E é nessas ocasiões que os prefeitos conseguem avaliar como estão os seus aliados. Em Tijucas, por exemplo, existe um acordo para que o próximo presidente seja o vereador Éder Muraro (DEM), que é da bancada de oposição ao prefeito Valério Tomazi. Foi com o voto dele que o vereador Serginho Cordeiro comandou a Câmara Municipal de Tijucas em 2014. Entretanto, há rumores de que o vereador Édson Souza (PMDB) estaria articulando para ser o novo presidente da Casa do Povo. A eleição ocorre no dia 15 de Dezembro.

Zona Azul em Bombinhas

ZONA_AZUL

Nesta segunda-feira, dia 01 de dezembro, passa a funcionar o Estacionamento Rotativo no Município de Bombinhas, conhecido também como Zona Azul. Neste primeiro momento os bairros contemplados serão Bombas, Centro e Quatro Ilhas. O valor da tarifa é de R$ 2,50 (dois reais e cinquenta centavos) por hora, podendo ser renovado por até 4 horas. Para esta temporada serão aproximadamente 1.000 vagas disponíveis nos três bairros.

O serviço conta com uma equipe de monitores uniformizados que estarão nas vias públicas, orientando os usuários para o cadastramento e a compra de tickets avulsos para o estacionamento. Nos próximos dias serão instalados sete pontos de venda.

 O serviço conta com um sistema inovador, onde é possível realizar a compra de créditos para o estacionamento via celular, mediante um pré-cadastro simples e rápido. O cadastro pode ser realizado pela internet, diretamente no site do Estacionamento Digital (www.estacionamentodigital.com.br) ou pelo smartphone, baixando o aplicativo de mesmo nome, informando número da placa do veículo e um celular. Também pode ser feito na hora, com um dos monitores nas ruas ou pontos de venda. Após o cadastro é preciso efetuar a compra de créditos para a alocação do veículo. Os créditos são obtidos pelo aplicativo e/ou internet, através de cartão de crédito, e na hora, junto aos monitores em dinheiro. Usuários com celulares já cadastrados também podem realizar a locação da vaga por meio de mensagem via celular.

O interessante é que 15 minutos antes de vencer o período do estacionamento o usuário recebe uma mensagem no seu celular avisando o usuário e dando-lhe a opção de comprar mais cartão virtual, com a comodidade de não precisar sair da praia nem do local onde se encontra para trocar aqueles cartões inconvenientes.

Mais informações:

Estacionamento Digital

Site: www.estacionamentodigital.com.br

E-mail: [email protected]

*Aplicativo disponível para sistema Android e iOS.

 

 

 

Vale Sagrado

Repercutiu negativamente a notícia sobre a intenção de se mudar o nome do Vale do Rio Tijucas para Vale Sagrado Catarinense, conforme foi divulgado na edição 577 do Jornal Razão. O caso é o seguinte:

“Autoridades, empresários e demais profissionais ligados ao turismo estiveram reunidos na última sexta-feira (21), no Mosteiro Park Hotel, em Santa Paulina, para participar do Primeiro Seminário de Turismo do Vale do Rio Tijucas. O evento foi uma iniciativa do Sincomvati – Sindicato do Comércio Varejista do Vale do Rio Tijucas, juntamente com a Fecomércio – Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo e o Sebrae – Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa de Santa Catarina, tendo como objetivo traçar metas para o futuro turístico do Vale do Rio Tijucas.

Na ocasião, o prefeito de Nova Trento, Gian Voltolini, falou sobre a importância de reunir esforços para o incremento do turismo local e regional. Ele anunciou algumas medidas que estão sendo tomadas pela prefeitura em parceria com o Ministério do Turismo, entre elas a sugestão de que a região passe a ser denominada “Vale Sagrado Catarinense”. A logomarca do novo nome foi apresentada por técnicos ministeriais que se fizeram presentes no seminário.

Na mesma oportunidade, o prefeito também fez um pedido oficial ao Ministério para que os municípios de Tijucas e Canelinha sejam incluídos no projeto. A proposta foi entregue à coordenadora geral de Estruturação e Destinos do Ministério do Turismo, Patrícia Nascimento e Castro, a qual se comprometeu a levar o pedido aos seus superiores”.

As manifestações contrárias levam em conta não apenas a tradição, mas também todo o trabalho que se faz em divulgação, principalmente por parte das empresas. É a mesma situação de Porto Belo, Itapema e Bombinhas, que foram inseridas no roteiro turístico “Costa Verde e Mar”, detonando mais de 20 anos de divulgação em cima do nome Costa Esmeralda. Nós mesmos, o Jornal Razão, que tráz na sua razão social “Do Vale do Rio Tijucas a Costa Esmeralda”, estamos entre os prejudicados com essa mudança, se realmente ocorrer.

Na verdade, Tijucas, Canelinha, São João Batista e Major Gercino poderiam trabalhar juntos um contexto de exploração turística voltado a religiosidade cristã, porém não vejo a necessidade de mudar o nome do Vale.

Lembremos do que aconteceu com SC 411, que foi transformada em SC 410 e que o próprio Governo do estado continua identificado com SC 411. A Assembléia Legislativa de Santa Catarina também contribuiu para embrulhar ainda mais as coisas. A SC 411, no trecho de Tijucas a Nova Trento, se chamava rodovia Walter Vicente Gomes. Os deputados mudaram o nome para Rodovia da Fé. Para não melindrar os familiares e amigos do ex-deputado que dava o nome a rodovia, os ilustres deputados deram o seu nome ao trecho da SC 408 entre São João Batista e Major Gercino. Do que adiantou essa atitude?

Violência e segurança

A semana que se passou foi extremamente violenta em toda a região, com mortes, gente baleada, esfaqueada, tiroteios e alguns pequenos assaltos, que nos últimos meses tinham aliviado. Agora vem a dramática notícia de que Tijucas está novamente com apenas um delegado de polícia, Dr Pedro Medeiros. O outro delegado foi transferido, a seu pedido, para Itajaí. Além desse delegado, a CIA da Comarca de Tijucas também perdeu outros cinco profissionais, transferidos para diferentes cidades. Com um delegado a menos, os inquéritos vão se acumulando, prazos espiram e quando o caso é encaminhado para a justiça, muita gente já nem lembra mais como aconteceu. Não dá pra entender o que as autoridades de segurança pública do estado tem contra Tijucas. A cada vez que se organiza um movimento pedindo mais segurança, parece que eles resolvem castigar o município e reduzem ainda mais o contingente civil e militar disponível na comarca.

Feirinha do Brás

Foi muito grande a repercussão a respeito da Feirinha do Brás, que deveria ter acontecido neste final de semana em Tijucas e que não foi realizada por conta da negativa em conceder alvará aos organizadores. Segundo a Prefeitura, faltaram documentos exigidos por lei. Em função disso, os comerciantes paulistas do bairro do Brás ingressaram com uma ação na justiça e estão a espera de uma decisão favorável. Se acontecer, será no CTG Fogão de Lenha, na Praça, num dos três próximos finais de semana.

Muitos internautas encaminharam e-mails falando a respeito do assunto e a quase unanimidade dos consumidores é a favor da feirinha, em virtude dos preços praticados. Em Itapema os comerciantes tentaram impedir a realização da feirinha, porém nem a Prefeitura conseguiu embargar. Assim que tivermos noticias, serão divulgadas.